Festa de Casamento: Acertos e Erros

Eu não sei vocês, mas contei os dias para o meu casamento! Antes mesmo de saber a data eu já tinha um Pen Drive cheio de pastas: bolos, vestidos, decoração, fotos e assim por diante. Zerei alguns blogs (inclusive americanos) buscando inspiração e ideias para o meu casamento. No fim, tive apenas 12 dias para preparar tudo (longa história), mas ficou (claro, na minha opinião) tudo lindo, mais ainda do que eu poderia sonhar ou imaginar!

Mas acho que o que faltou pra mim, enquanto eu pesquisava e pensava foi um pouco de realidade. Hoje tenho a impressão de que eu era muito iludida com as decorações super vintage e as festas de casamento debaixo das árvores que eu via por aí. Se pudesse voltar atrás faria mais perguntas a quem já tinha se casado e tentaria ser mais realista. Eu sei, eu sei, a gente quer que seja tudo maravilhoso e inesquecível e acredite: vai ser! Mas não podemos deixar de lado a parte prática da coisa. Por isso, venho por meio deste compartilhar o que eu fiz e considero erro e acerto no meu casamento, ficam aqui dicas práticas para noivas e futuras mães de noiva (eu daqui 20 anos) e também para as amigas e madrinhas engajadas.

Os + são os acertos e os – são os erros. 🙂

+ Cerimônia 

É verdade que o foco do post não é a cerimônia, mas o foco do dia precisa ser! A cerimônia é a parte mais importante e especial do dia. Convide alguém temente a Deus que você conheça e confie, alguém que talvez tenha acompanhado a história do casal, ou de um dos dois, alguém que você respeite e admire. Foi isso que nós fizemos. Escolhemos alguém que mora no nosso coração para fazer o curso de noivos e a cerimônia. Estivemos com ele por alguns meses estudando um livro e foi muito bom ter a Palavra de Deus através da vida dele naquele dia. Impossível esquecer a menagem! Ficou gravada em nossos corações e se Deus quiser levaremos conosco até o fim das nossas vidas. (Um abraço especial pro tio Sérgio Messina e sua esposa Roseli).

BRUNA E PEDRO-355

BRUNA E PEDRO-553

 

+ Cabelo e Maquiagem / Dia da Noiva

Aqui vai uma super dica: aceitem o Dia da Noiva! Super vale a pena. No meu caso vamos dizer que foi “meia pensão”, mas foi maravilhoso. Ganhei de uma amiga muito querida uma massagem no lugar onde fiz o cabelo e a maquiagem e foi excelente. No fim da massagem a massagista precisou me acordar, porque estava muito tranquila e relaxada em meio a pétalas de rosa e uma salina com meia luz. Além desse grande acerto, que foi a massagem, acertei também na escolha do local e profissionais para o cabelo e a maquiagem. No meu caso foi no Lady e Lord do Floripa Shopping, mas sem fazer propaganda gratuita o alerta é para as noivas pensarem bem nos profissionais que vão escolher. Eu pude fazer prova de cabelo e maquiagem, fiz 1 semana antes. Foi excelente! Ali eu tive uma ideia de como era o atendimento e propriamente do que eu gostaria de fazer no cabelo e no rosto.

Também pense bem se você vai querer chamar todo mundo pra se arrumar com você no mesmo lugar ou se vai querer ficar mais sozinha, só com a sua mãe. Tenho amigas que optaram por ter o quarto ou o salão cheio, fizeram belíssimas fotos, brindes e deram muitas risadas. Mas também ficaram muito nervosas com a pergunta feita a cada 5 minutos: “Você está muito nervosa?”. Eu optei por ter ao meu lado apenas a minha mãe e para mim foi ótimo. Foi o que bastou!

BRUNA E PEDRO-50

BRUNA E PEDRO-120

+ Fotógrafo

Outra coisa importantíssima no casamento é a fotografia. Por isso já fizemos um post exclusivo falando sobre o tema. A fotografia é aquilo que fica daquelas poucas horas de festa que passamos. É o resumo da ópera, é o momento capturado para sempre. Pesquise, escolha bem, não pense só em economizar, porque nesse ponto é provável que o barato saia caro e você fique para sempre com sorriso torto e braço gordo na hora de cortar o bolo! A nossa escolha foi a Milena Reinert e escolheria mil vezes ela de novo, eu e meu marido que também é fã do trabalho dela. Claro, existem diversos outros fotógrafos talentosos por aí, mas minha experiência foi com ela então #ficaadica.

BRUNA E PEDRO-311

+ Louvor

Gostamos muito de ir ao casamento de amigos muito queridos em que a noiva entrava e logo depois os dois se viravam para toda a igreja e cantavam junto com os convidados 1 ou 2 louvores escolhidos pelo casal. Foi muito gostoso poder louvar a Deus naquele momento, afinal tudo aquilo era para a glorificar o Seu nome e Ele era o motivo de todo amor que existia entre nós. Então escolhemos “Jesus, em tua presença” porque alguns dias antes esse louvor tinha invadido os nossos corações e sem perceber eu e o Pedro cantávamos juntos “só pra te adorar e fazer teu nome grande, e te dar o louvor que é devido estamos nós aqui!” e até hoje quando fazemos aniversário de casamento eu penso nisso, penso que ele existe para adorar a Deus e engrandecer o Seu nome. A outra escolhida foi “Eu e minha casa” que é baseada em Josué 24:15 e eu considero totalmente oportuna para casamentos: consagrar o nosso lar a Deus e afirmar que nós e a nossa casa a Ele serviremos. O mais legal de tudo foi contar com um dos nossos melhores amigos (e padrinho) para tocar no dia!

BRUNA E PEDRO-334

BRUNA E PEDRO-341

+ Escolher a última dança (e também a primeira)

Um detalhe pequeno, mas que foi super especial para nós. Fechou com chave de ouro a festa de casamento. No nosso caso escolhemos “The Way You Look Tonight” do Rod Stewart como última dança. Foi super romântico e relaxaste ter dançado essa música antes de irmos embora. Já a primeira dança também foi escolhida e fizemos 1 aula de valsa (não tivemos mais tempo) para poder dança-la. Escolhemos “Pela Luz dos Olhos Teus” do Tom Jobim, que é uma valsa e não é “Danúbio Azul”, nada contra o Strauss, nem contra essa linda valsa, mas valeu pra sair um pouco do comum. Foi maravilhoso poder dançar aquela primeira dança com o, agora meu marido, Pedro. Por isso a dica é pensem sobre esse momento clássico do casamento e por que não, pensem em talvez terminar a noite de vocês também com uma música especial.

BRUNA E PEDRO-883

Primeira Dança

Última Dança

Última Dança

– Pratos de Docinhos

Os docinhos são sempre uma das alegrias da festa, acho que principalmente pros noivos que a essa altura já estão mais tranquilos. Porém, uma má ideia é colocar pratos na mesa de docinhos esperando bom senso de todos os convidados. Infelizemente aconteceu com a gente que não conseguimos nem mesmo bater foto na mesa de docinhos e o pior de tudo comemos apenas os docinhos que estavam reservados para nós na caixinha dos noivos. Na festa comi 1 ou 2 que encontrei sobrando em alguma mesa. A dica aqui é ou servir os docinhos na mesa dos convidados ou deixar lá na mesa para quem quiser pegar.

Até hoje eu como esses docinhos com os olhos!

Até hoje eu como esses docinhos com os olhos!

 – DJ 

Prestem atenção ao DJ, mesmo que você não tenha baile. A nossa música falhou na entrada das alianças, na entrada do noivo, na hora dos votos e tinha sempre um ruído no microfone. No baile até que o nosso DJ foi bom. Mas a minha dica é escolham com atenção, pesquisem, peçam indicações e etc.

– Peça ajuda pra lembrar de coisas importantes!

Planeje bem, pense mais ou menos em como vocês desejam que as coisas aconteçam e em que ordem e depois peça ajuda da cerimonial ou de outra pessoa. No meu caso a coisa esquecida foi simplesmente a valsa com o meu pai! Eu sei que é uma coisa enorme pra esquecer, mas eu esqueci! E apesar de a minha cerimonial ser excelente, com a pressa da organização do casamento (12 dias) eu esqueci de avisá-la como isso era importante para mim. Também não avisei ao DJ, então… Não ache que vai conseguir lembrar de tudo!

– Tempo da Festa

Não sei se foi só eu, mas pra mim o nosso casamento passou voando! Ainda mais depois que descobri que aqui na Itália o casamento começa na hora do almoço e só termina de madrugada. O nosso começou às 19h e às 1h30 já estávamos indo embora. Pra mim foi como um piscar de olhos. Então pense bem se não vale a pena gastar um pouquinho a mais e estender mais a noite.

– Filmagem

Nesse caso eu já sabia que me arrependeria, mas não cabia filmagem no nosso orçamento. A minha dica é filmem! Claro que as fotos são bem mais românticas, mas a filmagem também é muito especial. Ver as lágrimas escorrendo, ouvir o som do sim, do “eu vos declaro marido e mulher”, certamente tem outro sabor. Então coloquei como erro não ter contratado filmagem. No meu caso tento me satisfazer com alguns vídeos dos convidados.

Agora só faltam vocês deixarem nos comentários os acertos e erros de vocês! Compartilhem com a gente e ajudem outras noivinhas! 🙂

Com amor,

Bruna

Anúncios

3 pensamentos sobre “Festa de Casamento: Acertos e Erros

  1. Oi Bruna….tudo bem….comecei a ver seu blog e estou adorando…sou noiva!!!tentei te achar pelo facebook, com algumas duvidas sobre o trash the dress na italia….parabens pelo blog!!! e parabens pelo bebe tb!!!!bjs

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s